Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

LER

Livros. Notícias. Rumores. Apontamentos.

Primeiro capítulo de um inédito de Dennis McShade

 

— OK — disse Gulliver. E desligou.
Levantou-se e dirigiu-se à casa de banho. Olhou para o espelho. Pegou no frasco de álcool, desarrolhou-o e molhou as mãos. Passou depois as mãos pelos cabelos. Voltou a olhar para o espelho e inspeccionou os dentes. Começou a sentir as náuseas do costume. Levantou a tampa da sanita, vomitou alguma bílis e sentiu-se melhor. Voltou para o quarto e falou para o retrato do pai morto, durante dez minutos, como fazia há trinta anos. Acendeu um cigarro e sentou-se na borda da cama. Ligou para Armador.
— Armador?
— Sim.
— Daqui Gulliver.
— Sim.
— Legos disse para o matarmos hoje.
— Vem a minha casa — disse Armador. — Jogamos uma partida de xadrez e depois vamos.
— Estou aí dentro de uma hora.
Gulliver desligou e voltou à casa de banho. Atirou a beata ainda acesa para a sanita e puxou o autoclismo. Voltou a inspeccionar os dentes ao espelho. Lavou-os vagarosamente. Olhou para as mãos. Lavou-as. Voltou ao quarto e olhou para o retrato do pai. Começou outra vez a sentir náuseas e dirigiu-se rapidamente à casa de banho. Vomitou. Sentiu-se melhor.

 

Primeiro e curtíssimo capítulo de Blackpot, inédito de Dennis McShade (pseudónimo de Dinis Machado) que a Assírio & Alvim deve publicar no final de 2009. Até lá, serão reeditados - para além de Mão Direita do Diabo (já lançado) - Requiem para Dom Quixote (nas livrarias em Outubro) e Mulher e Arma com Guitarra Espanhola (Março ou Abril de 2009).

2 comentários

Comentar post